10 interessantes filmes sobre psicopatia

Cinema e psicopatia

Sendo a sétima arte um das mais belas e apreciadas maravilhas do mundo, assim como os filmes de suspense e policial de especial interesse para muitos cinéfilos, o melhor de 10 apresenta uma interessante lista de filmes que tem como principal temática a psicopatia.

Gearbest Up to 70% OFF for Stylish Bags&Shoes promotion

 

1. M. O Vampiro de Dusserdorf – Fritz Lang

M O Vampiro de Dusserdolf

M – O Vampiro de Düsseldorf é um filme alemão de 1931, de suspense, dirigido por Fritz Lang, sendo considerado um clássico do cinema expressionista alemão. Este filme é baseado na história do alemão Peter Kürten, que ficou conhecido como o assassino de crianças.

Neste filme um conjunto de marginais e criminosos de cidade alemã de Dusseldorf unem-se para caçar este assassino de crianças procurado pela polícia, gerando-se uma guerra entre policia e criminosos pela procura do temível assassino. Capturado, ele é julgado por um tribunal de criminosos e acusado de ter quebrado a ética do submundo.

 

2. O Mensageiro do Diabo (The Night of the Hunter) – Charles Laughton

O Mensageiro Do Diabo

Este filme também conhecido como The Night of the Hunter (A Sombra do caçador) é um filme de 1955, realizado por Charles Laughton, e com actores como Robert Mitchum, Shelley Winters e Lillian Gish. é conhecido no Brasil como O Mensageiro do Diabo e em Portugal como A Sombra do Caçador.

Relata a história de um homem que esconde uma grande quantia de dinheiro roubado na boneca da sua filha, Pearl. Logo em seguida é preso, embora ainda consiga fazer com que os filhos prometam nunca revelar onde o dinheiro está. Já na prisão e condenado à morte, sonha frequentemente com esse dinheiro começando a despertar a atenção de seu companheiro de cela, o falso reverendo Harry Powell, que é um psicopata assassino, ainda que esteja preso por um crime menor.

Após a sua libertação, este reverendo viaja até a cidade natal do seu antigo companheiro de cela em busca do dinheiro escondido, e, como tal, começa a aproximar-se da sua família. Ninguém desconfia nada, a não ser o filho mais velho John. No entanto o perigo começa a ser cada vez maior à medida que John e Pearl tendem a resistir a quebrar a promessa de silêncio dada ao pai.

 

3. A Tortura do Medo (Peeping Tom) – Michael Powell

A Tortura do Medo - Michael Powell

Também conhecido por Peeping Tom, este filme do conhecido e consagrado Realizador Britânico Michael Powell, centra-se na personagem de Mark Lewis (Karlheinz Böhm) que é foquista num estúdio britânico é obcecado por capturar expressões de de medo no rosto das pessoas e que assassina mulheres para deixar tudo devidamente registrado em filme.

Em criança, Lewis foi usado pelo pai num estudo sobre psicologia do terror, sendo submetido a cruéis experiências. No momento ele  planeia realizar um documentário com as doentias imagens que vem produzindo durante os crimes.

 

4. O Bandido da Lua Vermelha (The Red Light Bandit) – Rogério Sganzerla

O Bandido da Lua Vermelha

O Bandido da Luz Vermelha é um filme policial brasileiro de 1968, realizado por Rogério Sganzerla e que é baseado nos crimes do famoso assaltante João Acácio Pereira da Costa, apelidado de “Bandido da Luz Vermelha”. É considerado um grande clássico do chamado cinema marginal. Sganzerla tinha 22 anos quando o dirigiu.O filme relata a história de Jorge, um assaltante de residências de São Paulo, apelidado pela imprensa de “Bandido da Luz Vermelha”, que consegue sempre confundir a polícia com as suas técnicas peculiares actuar. Sempre na psose de uma lanterna vermelha, ele possui as vítimas, tem longos diálogos com elas e protagoniza fugas ousadas para depois gastar o fruto do roubo de modo extravagante.

Mais tarde começa a relacionar-se com Janete Jane, conhecendo outros assaltantes e um político corrupto e acaba por ser traído.

Quando já se encontra constantemente perseguido e encurralado, só vês uma saída para sua carreira de crimes: o suicídio.
Em novembro de 2015 o filme entrou na lista feita pela Associação Brasileira de Críticos de Cinema (Abraccine) dos 100 melhores filmes brasileiros de todos os tempos.

 

5. O Maniaco (Maniac) – William Lustig

O Maniaco - Maniac 1980

Maniac (O Maníaco) é um filme norte-americano, do género slasher, realizado por William Lustig com argumento de Andrew W. Garroni e Joe Spinell, lançado em 26 de dezembro de 1980.Este filme aborda a história de um transtornado e traumatizado assassino em série, cujo principal método de crime é arrancar o couro cabeludo às suas vítimas (mulheres), para posteriormente os colocar, juntamente com as roupas das suas vitimas em manequins que tem em casa, para depois poder dormir com eles, como se fosse com a sua mãe, antiga prostituta que o submeteu a intensos abusos físicos e psicológicos durante anos.

 

 

6. Opera (Terror in Opera) – Dario Argento

Opera - Dario Argento

Opera (também conhecido como Terror na ópera) é um filme italiano de terror de 1987,escrito e realizado por Dario Argento e protagonizado por Cristina Marsillach (Betty, bela e formosa actriz secundária que obtém um papel feminino numa representação contemporânea do Macbeth de Verdi), Urbano Barberini (Alan Santini, inspector da policia), Ian Charleson (Marco, director da obra), Daria Nicolodi (Mira, Publicista de Betty) y William McNamara (Stefan).

O filme centra-se na jovem e insegura cantora de ópera Betty, que é chamada a substituir a atriz principal da peça que teve um acidente de automóvel. Esta peça tem, contudo,a fama de estar amaldiçoada e começam a verificar-se várias mortes, o que começa a confirmar-se essa teoria da maldição.

Betty torna-se assim o principal alvo do assassino psicopata, que curiosamente também aparece nos sonhos de Betty em menina.

No final da ópera, a identidade do assassino é revelada e Betty terá de se confrontar com um passado tenebroso.

 

7. Louca Obsessão (Misery) – Rob Reiner

Misery - Rob Reiner -.Stephen King

Misery (Louca obsessão /Misery – O capítulo final) é um filme americano de 1990 do género suspense realizado  por Rob Reiner e baseado no livro homónimo de Stephen King.

É protagonizado por Kathy Bates que interpreta Annie Wilkes, papel que lhe deu o Oscar de Melhor Atriz em 1991. O papel de Paul Sheldon, escritor pelo qual Wilkes é obcecada, é interpretado por James Caan.

Na história do filme, baseada no livro, Paul Sheldon, um escritor famoso é salvo por uma ex-enfermeira que é grande fã de seus livros. Porém, esta ao saber que ele matou a sua personagem mais famosa no seu próximo livro, começa a torturá-lo de modo a fazer com que ele desista da decisão. Também queima o seu livro anterior e obriga-o recomeçar outro.

Sheldon, entretanto, descobre o passado obscuro de Annie e passa a não confiar mais nela.

 

8. Copia Mortal (Copycat) – Jon Amiel

Copycat - Jon Amiel

Copycat é um filme americano de 1995, realizado por Jon Amiel e protagonizado por Sigourney Weaver e Holly Hunter.
Neste filme a psicóloga criminal Helen Hudson é uma especialista em assassinos em série, que vive em São Francisco. Depois de um dos seus anteriores casos, o do psicopata Daryll Lee Cullum que esteve quase a matá-la, por vingança devido ao seu testemunho contra ele em tribunal, que o levou a condenação à morte, Helen começou a desenvolver agorafobia, uma perturbação mental que a «impede» de sair de casa, na qual se encontra fechada há pelo menos um ano.
Entretanto surge uma nova vaga de homicídios que parecem recriar cenas de crimes do passado. Helen é assim chamada para aconselhar a policia para a resolução do caso em questão. Os detectives Monahan e Goetz estão encarregados do caso e recorrem aos seus serviços dada a sua reconhecida competência no trabalho com serial killers, no sentido de apanhar o perigoso serial killer que se encontra à solta e em constante acção.

 

9. Perfume (The Story of a Murder) – Tom tykwer

Perfume - Story of a Murder

Perfume: The Story of a Murderer (Perfume: A História de um Assassino BRA ou O Perfume: História de um Assassino POR) é um filme de 2006, realizado por Tom Tykwer e uma adaptação do livro homônimo do escritor alemão Patrick Süskind.

Relata a história em flashback do aprendiz de perfumista Jean-Baptiste Grenouille (interpretado por Ben Whishaw) que estava a ponto de ser executado, devido a ter assassinado várias mulheres, em Paris de 1738.

Jean-Baptiste Grenouille nasceu com um dom fora do comum: um olfato super sensível, devido a ter nascido junto de uma camada de peixe fresco, que lhe permitia distinguir separadamente os vários cheiros da natureza e o que constitui uma fragrância de cosméticos. A sua vida foi muito solitária, tendo sido desde muito novo abandonado pela mãe e, mais tarde, num orfanato, pelo das outras crianças ao seu redor. Assim começou a isolar-se muito no seu próprio mundo, não conversando com ninguém, não conseguindo, como tal, desenvolver uma linguagem comunicação adequadas. Passou a vida inteira como um “lixo” social, sendo maltratado, incompreendido e excluído por todos, até que começou a matar mulheres, fascinado pelos seus odores.

 

 

10. A Centopeia Humana (Human Centipode) – Tom Six

A Centopeia Humana - Tom Six

The Human Centipede (First Sequence) (A Centopeia Humana (Primeira Sequência) é um filme holandês de 2009, escrito, co-produzido e realizado por Tom Six.

O seu argumento gira em torno de um cirurgião alemão que sequestra duas turistas americanas (Lindsay e Jenny) e um turista japonês (Katsuro) e os une cirurgicamente pelo sistema digestivo — da boca ao ânus — formando uma “centopeia humana”.