10 fotografias a preto e branco convertidas para cor demonstram um pouco do que foi a Segunda Guerra Mundial

Dornier-335-Pfeil

1. Dornier 335 Pfeil

Pfeil ou simplesmente “flecha” em Alemão. Um dos caças mais rápidos ao serviço da Luftwaffe. Foram construídos apenas 30 caças Dornier 335 Pfeil, mas nunca foram utilizados pois os ataques de bombardeiros aliados eram constantes na suas fábricas de motores. Era o caça mais rápido da altura, atingia os 580 km/h. O único encontro nos céus foi no norte de França quando o esquadrão Tempest da Royal Air Force do Reino Unido tentou alcança-lo, mas era tão veloz que o caça rapidamente deixou o esquadrão para trás. No fim da Segunda Guerra Mundial os Estados Unidos ficaram com as unidades existentes.

 

2. Infantaria soviética lutando nas ruas de Berlim.

O soldado no topo utiliza uma metralhadora soviética típica, o seu modelo era a Maxim 1910.

 

3. Rainha Elizabeth II

A jovem mulher na fotografia é a Rainha Elizabeth II do Reino Unido (na altura tinha 16 anos). Durante a Segunda Guerra Mundial ela foi mecânica, chegando a assumir o posto de segunda tenente. Mais tarde assumiu o cargo de capitã de um dos regimentos mecânicos do Reino Unido. O seu único momento na frente de batalha foi em 1943 a conduzir uma ambulância em Itália.

 

4. Cruzeiro de Guerra USS New Mexico

Este cruzeiro de guerra pronto para bombardear Guam. Equipado com 4000 projéteis prontos para lançar. De modo a que as recargas sejam feitas mais rapidamente as munições são colocadas no convés e levadas para as torres. Como podemos ver na imagem.

 

5. Major e Sargento da Luftwaffe

Um Major e um Sargento da Luftwaffe estão a estudar em conjunto conceitos teóricos sobre os efeitos da falta de oxigénio nas cabines dos seus caças.

 

 

6. Sargento Jack Grundy

O sargento inglês Jack Grundy cumprimenta sua esposa Dorothy pela última e os seus filhos Randall e Gilda. A sua missão era uma posição de artilharia na Líbia. No entanto morreu durante a batalha pelo Norte de África quando um Ju-87 Stuka lançou uma bomba de 200 kg sobre a sua posição, matando 5 homens, incluindo Jack Grundy. Segundo a história desta fotografia, teria dito à sua esposa para não se preocupar, pois o seu trabalho estava longe das linhas de frente de combate.

 

7. Bombardeiro Heinkel 111

O logotipo deste bombardeiro é um leão como se pode ver na imagem. Podemos ler no logótipo “vestigium leonis” em latim, o que significa “pegada do leão”. Na altura os tripulantes compraram “Hans” no Egito, o pequeno leão que se vê na janela do avião. O curioso é que o pequeno Hans encontrava sempre o avião no final das missões.

 

8. Bomba Alemã

Na fotografia podemos ver soldados ingleses a retirar e desmantelar uma bomba alemã com cerca de meia tonelada. Segundo a história esta bomba caiu perto do centro de Londres. Durante a Segunda guerra Mundial, perderam-se mais vidas a desmantelar bombas do que nos bombardeamentos por parte dos alemães.

 

9. Esquadrão de bombardeiros B-24

Este esquadrão foi liderado por Joisey Bounce. O objetivo era bombardear um campo de treinos em Itália. No entanto Joisey Bounce é surpreendido durante um ataque, e acaba por cair com os seus 10 tripulantes.

 

 

10. Um Piloto de bombardeiro Avro Lancaster

Nesta imagem podemos ver um piloto de aviões com duas caixas construídas para receber impactos com duas pombas dentro das mesmas. O objetivo destes pombos-correio era, caso o avião caísse e os tripulantes sobrevivessem, podiam então soltar os pombos de forma a regressarem à base com mensagens de socorro. Na verdade estas foram as primeiras versões do que hoje conhecemos por caixas negras.



Mais: , | Por: João Baganha