10 curiosidades sobre a marca LEGO

A fabricante de tijolos de plástico com sede na Dinamarca, a LEGO, cria materiais de construção de plástico que são omnipresentes e ideais para ensinar as crianças a pensar com criatividade enquanto os seus pais colecionam as caixas tão amadas. Embora a empresa tenha sofrido uma perda de distribuição quando a Toys ‘R Us encerrou as suas portas, a receita ainda subiu 4 % em 2018, tendo chegado aos 5,5 bilhões de dólares. Vemos então ver 10 factos impressionantes sobre esta marca adorada por todos.

 

View this post on Instagram

Let’s play !!! 🤗 #lego #legominifig #instalego #legophoto #legostagram #stuckinplastic #legocollection #legophotography #legominifigures #minifigures #legoclassic #afol #epictoyart #legowood #toygroup_alliance #wood #brickinsider #bricknetwork #brickcentral #the_brickgeek #legoquickreview #brick_vision #toyphotogallery #bc_hobby #toy #toys #legoclassicspace #toyartisty #TheArtOfLego #toyartisty_lego

A post shared by Julio (@brick_of_julio) on

1. A LEGO não inventou os tijolos de plástico

Quando o marceneiro Ole Kirk Kristiansen começou a vender brinquedos em Billund na Dinamarca, em 1932, ninguém durante a Grande Depressão estava a comprar móveis caros. Kristiansen não fazia ideia de que LEGO (das palavras dinamarquesas Leg Godt, ou “brincar bem” em português) se tornaria sinónimo de construir blocos. Quando um vendedor visitou Kristiansen em 1949 e ofereceu-lhe uma máquina de injeção de molde de plástico para poupar-lhe do trabalho de brinquedos feitos à mão, Kristiansen e o seu filho, Godtfred, ficaram intrigados com uma das amostras que ele carregava: um tijolo cravejado e entrelaçado.

Kristiansen começou a fazer o seu próprio, e aparentemente sem saber que um homem chamado Hilary Fisher Page era o dono da patente. (Em 1958, a LEGO aperfeiçoou o tijolo com tubos na parte inferior para ajudar a apertar a conexão.) Page morreu antes de descobrir a homenagem de Kristiansen; A LEGO afirmou que Kristiansen foi “inspirado” por Page. A LEGO mais tarde comprou a sua empresa, a Kiddicraft.

View this post on Instagram

Fractions made simple with LEGO. (by Channel_ToyWicWoc/Reddit) . . . #lego #math #mathmemes #mathematics #legos #legophotography #legophoto #legopieces #legobricks #legomodel #legonumbers #legomath #numbers #fraction #fractions #education #school #kids #children #mathgames #teacher #teachers #learning #learningwithlego

A post shared by Beyond the Brick (@beyondthebricktv) on

2. Os números de cada tijolo de LEGO contam uma história

Repare bem para dentro de qualquer peça de LEGO e você verá um pequeno número de três dígitos estampado na parede interna. O número corresponde a qual molde foi usado e onde na linha o tijolo estava localizado. Se houver algum tipo de defeito, a LEGO pode rastrear a peça com defeito até à sua origem e resolver o problema. Então, você provavelmente não está preocupado com um número quando acaba de tropeçar em um: a agonia latejante tende a bloquear todo pensamento racional.

 

View this post on Instagram

Hey friends! I've started building the new Lego Mickey and Minnie set #43179. I'll be bringing you pics of the progress leading up to our review on Things I Love. Tag a friend so they can follow us here as we build this amazingly beautiful new set. ⁣ .⁣ .⁣ .⁣ .⁣ .⁣ #bricknetwork #instagood #legoafol #legophoto #legominifigures #legoland #bricks #legomoc #legofan #toys #legocity #legogram #toyphotography #instalego #disneyland #legos #minifigures #legoset #legostarwars #legocreator #brickcentral #legomania #legoideas #legoinstagram #legobricks #legophotography #legomickeyandminnie #legostagram #love

A post shared by Things I Love (@thingsilove_me) on

3. A LEGO oferece-lhe tijolos extra de propósito

Os conjuntos de construção LEGO às vezes são punidos por incluir peças aparentemente desnecessárias que ficam na mesa depois de que um navio pirata é construído. Acontece que algumas peças são simplesmente muito pequenas para serem pesadas durante o processo de alocação: a criação de um excedente garante que todos recebam o suficiente para concluirem o seu projeto. Se acontecer de você comprar muitos veículos LEGO, você não terá nenhum problema.

 

View this post on Instagram

🚎🚐🚕🚗🚙🚚🚛🚌🚒🛺 #stayhome #stayhomeandbuild #lego #legolove #legoaddict #legoaddiction #legostagram #legoinstagram #legogram #legopic #legowheels #embellego

A post shared by Emily Bell (@embellego) on

4. A LEGO produz mais pneus do que a Goodyear ou outras marcas de pneus

A LEGO produz tantas rodas para os seus conjuntos (cerca de 318 milhões por ano) que excedem em muito a produção total da Goodyear, Firestone ou Michelin, que fabricam pneus para todo o tipo de veículos motores. A empresa verificou que quase metade dos seus conjuntos incluem rodas, que você nunca encontrará num kit de unidade de comboio militar.

 

View this post on Instagram

Lego Star Wars Action Battle Endor Assault

A post shared by Chewbacca (@chewiescollection) on

5. A LEGO destornou a Star Wars

No final da década de 1990, a LEGO entrou em parafuso, vitimando-se pela superprodução de peças e não controlar as despesas de fabrico. De modo a melhorar o seu perfil, o conselho lançou a ideia de licenciar um conjunto de Star Wars da Lucasfilm para coincidir com o interesse em torno do lançamento da trilogia prequela de George Lucas em 1999. Porém os chefes de longa data da LEGO protestaram contra a ideia, ao sentir que o próprio nome violava a sua corporação anti-guerra por princípio. A discução levou seis até o neto de Kristiansen, Kjeld, tomar a decisão executiva de aceitar a licença, abrindo a porta para uma biblioteca de cenários (Harry Potter, Disney) que reverteu a sua sorte após uma série de desastres.

 

  •  

    View this post on Instagram

    Finally got all the pieces cleaned and dried. It’s HUGE. Smiles all round #legoscala #legoscaladoll #lego #legos #afol #afols #legophotography #legophoto #legoinsta #legogram #legoinstagram #legoinstagramcommunity @jadeberry20

    A post shared by Adam Berry (@ajberry1988) on

     

    6. Os bustos dos bonecos

    Nenhum fabricante de brinquedos ficou mais fora da marca do que a LEGO com a Scala, uma variedade doméstica ao estilo Barbie que mal interagia com a sua linha de brinquedos existente há décadas. Em vez de usar tijolos padrão, a Scala usou peças que formariam uma flor após a conclusão. Em tamanho, aparência e função, a Scala nunca se compara às clássicas minifiguras LEGO. Por um lado, as bonecas não eram amarelas.

     

    View this post on Instagram

    When will it be summer ? . . #lego #legocreator #legocity #minifigures #legobuilding #legophotography #brickstagram #legostagram #legogram #instalego #legofan #legolife #lego365 #legominifigures #legodimensions #legosuperheroes #legostarwars #legostagram #legoland #legominifigure #legolove #legominifig #minifiguresworld #minifigure #legophoto #afol #lifeguard #pamelaanderson #baywatch

    A post shared by Lego minifigures and co (@lego_minifigures_and_co) on

    7. As minifiguras são amarelas por alguma razão

    Quando a LEGO apresentou a primeira minifigura em 1975, era uma entidade quadrada e sem rosto destinada a aceitar qualquer fantasia de simulação que um construtor pudesse querer projetar. Embora as figuras mais tarde acumulassem rostos e papeis de género, quase sempre permaneceram amarelos. De acordo com a LEGO, isso ocorre porque a empresa sentiu que era a cor mais neutra do ponto de vista racial possível. Depois que a LEGO se ramificou para o licenciamento, ela começou a ver as suas primeiras entradas diversificadas com jogadores da NBA. Atualmente, a LEGO atribui tom de pele apenas se um conjunto for baseado numa propriedade ou pessoa existente. Caso contrário, eles são sempre amarelos.

     

    View this post on Instagram

    How many LEGO heads do you count ? I will give your comment a like when it's right. . Subscribe to our Youtube channel to see the minifigures in 360° >> link in the bio or https://youtube.minifigures.world. . . #lego #legocreator #legocity #minifigures #legobuilding #legophotography #brickstagram #legostagram #legogram #instalego #legofan #legolife #lego365 #legominifigures #legodimensions #legosuperheroes #spottheitem #legostagram #legoland #legominifigure #legolove #legominifig #minifiguresworld #minifigure #legophoto #afol #legohead #head #count

    A post shared by Lego minifigures and co (@lego_minifigures_and_co) on

    8. Os bustos minúsculos estão vazios por algum motivo

    Retire a cabeça de uma minifigura e separe-a do seu cabelo e você notará que o “noggin” minúsculo tem buracos em ambos os lados. Isso é para o caso de uma criança o engolir. Ao fornecer fluxo de ar através do plástico, elas têm menos probabilidade de se engasgarem.

     

    View this post on Instagram

    🇺🇲 Clone Troopers have always been important characters. The 2008 version is a bit strange, but I associate it with many memories. 😇 The special prints for commanders are particularly great, although there aren't that many of them. 😕 Which head do you like best? Which clone deserves its own head? Are you looking forward to the new variant? 🤔 . . Follow @brickstory_lego for more . . Post made by @bricksofmaze . . 🇩🇪 Klonkrieger waren schon seit jeher wichtige Charaktere. Die Variante von 2008 ist zwar etwas merkwürdig, doch verbinde ich damit viele Erinnerungen. 😇 Besonders toll sind die speziellen Prints für Commander, wenn auch es von diesen nicht so viele gibt. 😕 Welcher Kopf gefällt euch am besten? Welcher Klon hat noch einen eigenen Kopf verdient? Freut ihr euch auf die neue Variante? 🤔 . . Folge @brickstory_lego für mehr . . Post wurde von @bricksofmaze erstellt . . #lego #legos #minifigure #minifigures #legostagram #legoland #legophotography #legocity #legophoto #legomania #legomaster #legogram #afol #bricks #toys #instalego #legography #bricknetwork #legofan #starwars #legostarwars #clonetrooper #legoclonetrooper #legocaptainrex #lego501st #legoclone #lego501stbattlepack

    A post shared by LEGO Knowledge & News (@brickstory_lego) on

    9. As minifiguras estão a ficar mais irritadas

    Um estudo feito na Universidade de Canterbury, na Nova Zelândia, examinou mais de 3.000 figuras da LEGO feitas entre 1975 e 2010. As suas expressões faciais estavam a mudar de simpáticas ​​para carrancudas. Os especialistas perceberam que a mudança foi resultado da introdução de mais personagens licenciados na linha. Christoph Bartneck, que liderou o estudo, expressou preocupação de que a mudança no humor pudesse afetar adversamente as crianças. Por muito tempo, entretanto, a LEGO rejeitou a própria ideia de qualquer adulto examinar os seus produtos.

     

  •  

    View this post on Instagram

    Ready ?

    A post shared by cG🇵🇹 (@lego_loyal_fans) on

    10. A LEGO costumava pensar que os fãs adultos eram “estranhos”

    Construtores adultos de LEGO estão entre os clientes mais fieis da empresa, limpam conjuntos de edifícios caros e compram tijolos a granel para trabalhos personalizados elaborados. Conhecidos como AFOLs (Adultos Fãs de LEGO), o grupo demográfico nem sempre foi adotado pela administração. Depois que os vendedores retalistas criticaram a LEGO por não prestar atenção ao seu mercado, a empresa respondeu ao chamar adultos que brincavam com o seu produto de “estranho” e “um pouco bizarro”, descartando a ideia maluca de ouvirem as suas necessidades. Desde então, o mundo corporativo mudou de tom. A LEGO e seu clube de fãs adulto comunicam-se regularmente agora.



    Mais: , | Por: João Baganha