10 curiosidades sobre a história do carnaval do Rio de Janeiro

O carnaval carioca é conhecido no mundo todo e é motivo para que muita gente queira conhecer o Rio de janeiro durante o Carnaval. Falaremos nesse post um pouco sobre o percurso histórico do Carnaval da cidade maravilhosa, que atualmente é puro luxo e movimenta muito a economia da cidade todos os anos. Entretanto, nesse momento com a pandemia ficará suspenso até que tudo volte ao normal.

 

View this post on Instagram

A post shared by 🔸🔶 Carnavalizados Oficial🔶🔸 (@carnavalizados.oficial)

1. Origem portuguesa

A origem do carnaval do Rio de Janeiro está nas festas populares que precediam a quaresma promovidas por colonos portugueses, no século XVIII. As pessoas brincavam nas ruas jogando umas nas outras pó-de-arroz e perfume  sem nenhuma regra. Tal festa seguiu acontecendo por longo tempo, e foi aí que começaram os blocos carnavalescos.

 

View this post on Instagram

A post shared by Carnaval.RJ (@carnaval.rj)

2. Bailes de máscaras

Por volta de 1835, o carnaval começou a ser festejado pela elite do Rio de Janeiro, nos bailes de máscaras do Hotel Itália. O referencial para essas festas, famosas como Sociedades Carnavalescas, era a sociedade de Paris.Assim,no início o carnaval do Rio era restrito a festas menores disponíveis para uma elite mais privilegiada.

 

View this post on Instagram

A post shared by Carnaval.RJ (@carnaval.rj)

3. Primeiro desfile de carnaval

Em 1855, a cidade experimentou o seu primeiro desfile de Carnaval, realizado por um conjunto de intelectuais denominados por eles próprios de “Congresso das Sumidades Carnavalescas” e Dom Pedro II esteve presente assistindo o desfile.Assim,mesmo o carnaval de maior porte no início era destinado a grupo menor de pessoas da elite intelectual.

 

View this post on Instagram

A post shared by Eternos Carnavais (@eternos_carnavais)

4. Blocos de rua

O desfile de blocos de rua nos carnavais do Rio de Janeiro foi permitido politicamente no ano de 1889.A partir daí,várias escolas de samba foram sendo aos poucos criadas até que o carnaval se tornasse um grande campeonato de escolas como é hoje,as quais trabalham o ano inteiro na confeção das fantasias e carros alegóricos.

 

View this post on Instagram

A post shared by Tá Pirando, Pirado, Pirou! (@tapirandopiradopirou)

5. Primeiras escolas de samba

No fim da década de 1920, alguns blocos de carnaval se formaram e surgiram às primeiras escolas de samba. Entretanto até hoje são comuns os blocos de rua por vários locais da cidade durante o carnaval carioca.Alguns destes blocos cresceram e se tornaram grandes blocos de samba.

 

 

View this post on Instagram

A post shared by CONDESA HAUS (@fercondesahaus)

6. Inauguração do sambódromo

No período entre 1930 a 1944, o Carnaval era realizado na Praça Onze, por muitos tida como o “berço do samba”. Foi destruída para no lugar ser construída a Avenida Presidente Vargas, onde a festa de carnaval era feita até ter sido inaugurado o Sambódromo, em 1984.

 

View this post on Instagram

A post shared by Con mis amantes.. (@esquehojas_resin_handicraft)

7. Primeiro desfile de escola de samba

O primeiro desfile de escolas de samba ocorrido no Rio de Janeiro foi em 1932. Cada escola podia cantar até três sambas e a vencedora foi a escola de samba da Mangueira.Atualmente as escolas apresentam novos sambas a cada ano,novo tema de desfile,alegorias e uma grande bateria que anima os desfiles.

 

View this post on Instagram

A post shared by Eternos Carnavais (@eternos_carnavais)

8. A fama das escolas de samba

A enorme fama das escolas de samba do Rio de Janeiro, entretanto, ocorreu na década de 50, quando intelectuais começaram a demonstrar interesse pela cultura e folclore carnavalesco da população, o que  levou os desfiles até a classe média.

 

View this post on Instagram

A post shared by Eternos Carnavais (@eternos_carnavais)

9. O maior carnaval do mundo

A folia carioca apareceu no Guinness Book como a maior festa de Carnaval de todo o planeta.Todo o ano investem-se milhões no carnaval carioca que movimenta muito a economia brasileira todos os anos sendo também a fonte de renda de muitas pessoas.

 

 

View this post on Instagram

A post shared by Laurent Guiraud (@photos_laurent_guiraud)

10. O carnaval no calendário turístico da cidade

Embora a festa de carnaval carioca ter origem em bases antigas, foi apenas no ano de 1963 que ela passou a fazer parte do calendário turístico do Rio de Janeiro, o que foi um estímulo para a oficialização do Carnaval da cidade por meio de um desfile da escola de samba do Salgueiro que entrou para a história com um samba-enredo de Chica da Silva.



Mais: | Por: Flávia Negrini