10 coisas para assistir na Netflix em Agosto de 2021

 

1. Sparking Joy – segunda temporada

Na série que acompanha Kondo a Tidying Up, o especialista em organização vai às casas e empresas das pessoas e ensina as pessoas como a organização que podem vir a trazer transformações emocionais nas suas vidas. Os espectadores também vão conhecer a família de Kondo e irão visitar a sua casa, para ver como ela coloca os seus princípios em prática na sua própria vida. Certifique-se de confirmar que o seu quarto está menos desarrumado, ou melhor ainda, comece por observar o seu carro.

 

2. Clickbait

Grenier interpreta Nick Brewer, um marido e pai que é raptado, sendo que, aparece num vídeo online onde admite ter atacado mulheres e poderá morrer se o vídeo chegar a 5 milhões de visualizações. A sua irmã (Kazan) e a sua esposa (Gabriel) tentam encontrá-lo, no entanto descobrem coisas sobre Nick que ele provavelmente nunca quis que descobrissem.

 

3. The Chair

Numa série co-criada por Amanda Peet. Sim, sim é a senhora que interpreta a Dra. Ji-Yoon Kim, a primeira mulher e pessoa de cor a presidir o departamento de Inglês da Universidade de Pembroke. Na sua nova função, ela terá que lidar com professores exigentes, um orçamento apertado e outras demandas malucas do trabalho. Deveria ser uma comédia.

 

4. Brand New Cherry Flavor

Uma adaptação do romance de Todd Grimson, Brand New Cherry Flavor é um drama de terror sobre um cineasta que vai para Hollywood no início dos anos 90 e envolve-se num mundo de vingança, sexo, magia e, por algum motivo, gatinhos.

 

5. Untold

Untold é uma série de documentários desportivos que exploram histórias aparentemente bem conhecidas com algumas novas perspetivas. O primeiro episódio é sobre o “Malice At The Palace” de 2004, onde uma luta entre o Indiana Pacers e o Detroit Pistons acabou nas arquibancadas, instigada por adeptos que atacavam Artest. Jenner fala sobre a sua luta para o ouro nas Olimpíadas de 1976, Martin fala sobre os abusos que sofreu em casa enquanto crescia no mundo do boxe e muito mais.

 

  •  

    6. Hit & Run

    Hit & Run é um thriller sobre um homem casado (Raz) que fica arrasado quando a sua esposa é morta por um motorista, atropelada em Tel Aviv. Quando os perpetradores escapam para a cidade de Nova York, ele recebe a ajuda de uma ex-namorada americana (Lathan) para descobrir no que a sua esposa estava intrometida. O elenco único de estrelas israelenses como Raz e Ashkenazi com estrelas americanas como Lathan e Henry. Certamente vai criar um drama interessante e tenso.

     

    7. Cocaine Cowboys: The Kings Of Miami

    Cocaine Cowboys: The Kings of Miami é a história de Willy Falcon e Sal Malguta, dois amigos que abandonaram o ensino secundário e tornaram-se os traficantes de drogas mais poderosos da maior cidade da Flórida. A história centra-se principalmente no que aconteceu depois de que os federais apanharam a dupla na década de 1980, os julgamentos que se seguiram e como essa amizade se fragmentou.

     

    8. Cooking With Paris

    Com base na popular série de Hilton no YouTube, Cooking With Paris mostra a proto-influcenciadora a cozinhar com o objetivo de se divertir com os seus amigos. No queremos saber dos resultados. Sendo que, pode acabar por ser algum glitter envolvido. No entanto também estamos a bordo para ver Paris Hilton a enfiar a mão no rabo de um peru para o rechear.

     

    9. Gone or Good

    Uma série limitada de cinco partes, “Gone for Good” é a mais recente adaptação de um romance de Harlan Coben a chegar à Netflix após o mistério selvagem de 2018, “Safe” (eis, lá está Michael C. Hall novamente), mais duas em 2020, “The Stranger e The Woods” e “The Innocent”. Embora mistérios com finais iminentes (e esperançosamente satisfatórios) sejam um produto atraente para qualquer rede de televisão, a rápida aquisição das histórias de Coben pela Netflix é uma métrica muito mais reveladora para o sucesso do que qualquer uma das estatísticas de visualização obscuras lançadas a cada trimestre.

    Porém isto não significa que todos são bons, no entanto significa que estão a alimentar uma base de fãs, e eles vão fazer durante algum um tempo, considerando que mais duas adaptações estão em andamento após “Gone for Good”: “Hold Tight” (a série original em polonês) e “Stay Close” (britânica) estarem a caminho.

     

  •  

    10. The Defeated – primeira temporada

    Depois de terminar “Friday Night Lights” pela 18ª vez, você estará ansioso por um pouco mais de Taylor Kitsch, e a Netflix tem tudo para si. Lançado pela primeira vez em 2020 no Canal + (e outros serviços internacionais), “The Defeated” (originalmente intitulado “Shadowplay”) segue Max McLaughlin (Taylor Kitsch), um policial americano por volta de 1946 que viaja para Berlim na busca do seu irmão desaparecido. Enquanto estava lá, ele ajuda uma polícia alemã (Nina Hoss) a proteger a cidade e os seus cidadãos de um aumento do crime pós-Segunda Guerra Mundial que ameaça engolfar a cidade.



    Mais: , , | Por: João Baganha