10 consolas de videojogos bizarras

Telstar Arcade

1. Telstar Arcade

O fabrico da Telstar Arcade ficou a cargo da Coleco, lançada em 1977 e com 13 variantes diferentes da mesma consola. A ideia era ter uma série de controladores diferentes todos separados numa caixa.

A sua caixa era triangular e um dos lados tinha um volante e uma “caixa de velocidades”, outro lado tinha um revolver e o lado maior apresentava uma série de controladores para jogar videojogos do género Pong ou Arkanoid.

Como esta consola tinha 13 variantes diferentes levou com os consumidores levantassem duvidas sobre qual variante comprar o que acabavam por desistir, o que mais tarde levou a marca Coleco à falência.

 

Super Lady Cassette Vision

2. Super Lady Cassette Vision

A consola nasce em 1984 no Japão. Era uma consola de videojogos mais focada para meninas. O seu fabricante foi a Epoch. Esta consola vinha com um jogo chamado Milky Princess. Esta consola não vingou no mercado devido a ter saído famosa NES na mesma altura. A Super Lady Cassette Visison tinha um número limitado de jogos.

 

Mattel Hyperscan

3. Mattel Hyperscan

A Mattel Hyperscan foi lançada para o mercado em 2007, mas com a desvantagem de ter uma tecnologia de uma década atrás. A sua vantagem e tentativa de conquistar o seu público era o seu preço. A consola foi lançada pelo preço de 69,99 dólares.

A principal inovação e modelo de negócio era o facto de podermos comprar cartões RFID (cartões com informação semelhantes aos do metro ou código de alarme nas lojas de CD’s e livros). Por exemplo no videojogo X-Men, utilizamos este género de cartões para selecionarmos o nosso personagem. O principal fracasso desta consola foi o facto de só terem editados cinco videojogos.

 

Pioneer LaserActive

4. Pioneer LaserActive

A Pioneer foi provavelmente das primeiras marcas a colocar uma consola de jogos com CD. Um dos seus primeiros videojogos foi o Dragon’s Lair bem famoso na altura mas nas conhecidas arcadas. A vantagem do CD foi a possibilidade de trazer animações de alta qualidade ao estilo filme.

 

No entanto a LaserActive fracassou no mercado. Não se sabe a razão, mas uma coisa que não era atrativa nesta consola era o seu preço. Esta foi lançada para o mercado por 970 dólares. Os poucos videojogos editados para a consola também não ajudou, assim como estes videojogos serem mais orientados para a educação do que entretenimento.

 

Apple Pippin

5. Apple Pippin

Já é sabido que a marca Apple antes de ser o que é hoje passou grande parte da década de 90 a inventar produtos absurdos e sem grande sucesso comercial. A verdade é que a Apple também tentou entrar no mercado das consolas com a ajuda da gigante japonesa de videojogos Bandai.

A Apple Pippin era uma consola híbrida bizarra. Nesta corria um sistema Macintosh adaptado, uma vantagem para aliciar os seus potenciais consumidores, mas com a desvantagem de não trazer um teclado. Ao invés a consola trazia o seu controlador denominado por “AppleJack”, um comando com uma forma bizarra.

Outro problema foi o preço. Esta consola custava 599 dólares, enquanto que a PlayStation I na mesma altura só custava 299 dólares. Outro facto foi a questão de só terem saído 25 videojogos para esta consola.

 

 

 

Action Max

6. Action Max

Esta consola lançada em 1987 carregava os seus videojogos de forma semelhante ao ZX Spectrum, isto é, era necessário uma cassete de fita. Para fracasso desta consola, foi o facto de terem lançado apenas cinco videojogos.

 

XaviXPORT

7. XaviXPORT

Lançada em 2004, dois anos antes da Nintendo Wii nascer. A XaviXPORT foi a primeira consola apresentar comandos sem fio com sensores de movimento. Isto permitia jogar uma serie de videojogos com uma melhor experiência, tais como ténis, bolling, entre outros. A XaviXPORT carregava os seus videojogos através de cartuchos e tinha um senão para a época. É que os seus videojogos corriam a 16 bits, o que eram semelhantes aos da Mega Drive ou Super Nintendo e não um 3D moderno como o de todas as consolas daquela época.

 

View-Master Interactive Vision

8. View-Master Interactive Vision

Uma consola que é uma peça que combina o hardware e o design de uma forma bizarra. Comandos estranhos e nada ergonómicos, parecem mais uma cana de pesca. Os seus videojogos são de jogabilidade simples.

 

Philips CDi

9. Philips CDi

A primeira versão da consola lançada em 1991. A ideia desta consola era ter conteúdos interativos na TV tais como música, video, videojogos e nas versões seguintes internet. Os videojogos ficaram a cargo da Nintendo onde foram lançados títulos como: Hotel Mario, Zelda, Jeopardy, Wheel of Fortune entre outros.

 

 

 

Atari Lynx

10. Atari Lynx

A Atari Lynx foi lançada no mesmo ano que o Nintendo Game Boy. Esta consola era bem mais avançada, mas não teve sucesso comercial. O seu ecrã na altura já era retro-iluminado e a cores. Mais tarde a Sega vinha a lançar o seu Game Gear o que acabou por derrubar a Atari Lynx.

 



Mais: , | Por: João Baganha