10 conceitos de moda em que Kurt Cobain foi pioneiro

Kurt Cobain - Roupa Larga

1. Usar tamanhos grandes

Kurt Cobain foi dos primeiros ícones da música a usar códigos contemporâneos do movimento grunge dos anos 90 no que diz respeito a roupa urbana. As proporções da roupa são exageradas, com mangas alongadas e tamanhos bem maiores que o corpo. Só décadas mais tarde podemos ver Kanye a imitar o estilo de Kurt.

 

Kurt Cobain de Pijama

2. Camisas Pijama

Foi uma tendência excêntrica de Kurt Cobain ao usar roupa de “dormir” em concertos, eventos de televisão, e no seu dia a dia. Kurt marcou ainda mais esta moda ao ir vestido de pijama para o seu casamento com Courtney. Claro que Kurt Cobain como era extremo e subversivo nunca iria usar um fato de casamento, e opta pela oposição e originalidade.

Kurt Cobain foi um vulto incontornável dos anos 90, tendo um grande em todo o mundo, o que acabou por chamar a atenção de Gucci. O estilista viu com outros olhos a criatividade de Kurt, o que fez com que Gucci criasse um modelo de camisas de pijama com seda italiana e as colocasse nas passerelles italianas.

 

Kurt Cobain Casaco

3. Camisolas de malha aos buracos

O grunge descendeu do punk, logo o estilo e a moda são muito idênticos. Kurt Cobain tinha um grande “amor” pelas suas camisolas de malha rasgadas e remendadas. Este foi mais um pormenor que os estilistas da alta costura também não deixaram escapar. Mais tarde o designer Martin Margiela tem atenção a estes pormenores e coloca estes casacos de malha com remendos e buracos feitos ao pormenor nas grandes grandes marcas de roupa.

 

Kurt Cobain Jackie O

4. Óculos de sol Jackie O

Cobain era fã de formas alienígenas. Os óculos de sol modelo Jackie O do designer Christian Roths é um dos adereços mais emblemáticos do estilo de Kurt. Com um efeito simples e de forma oval, marcaram o estilo andrógeno de Kurt Cobain. Em 2010 este modelo voltou a ser reeditado e rapidamente se espalhou por a moda urbana, um pouco por todo o mundo.

 

Kurt Cobain Jeans

5. Calças de ganga rasgadas

A moda das calças de ganga rasgada já vinha do punk rock dos anos 70, mas assume outra vez atenção no grunge com Kurt Cobain. Artista conhecido por ser indiferente a qualquer moda, gostava das suas calças de ganga ao estilo vintage, desgastadas, rasgadas e deslavadas.

Cobain apreciava as calças de ganga no estilo mais largo, embora mais tarde as marcas de ganga começarem também a produzir este tipo de modelos mais justos e silhuetas mas finas. Este estilo de calças de ganga hoje mantém-se na moda e já com grandes estilistas como Gucci e Versace a desenharem os seus próprios modelos.

 

 

Kurt Cobain Hello How Are You - T-Shirt

6. T-shirts de bandas

T-shirts de bandas já é uma moda com bastantes anos. Esta tendência foi e é usada por bastantes músicos e até mesmo atores. Mas é Kurt Cobain que escolhe uma abordagem diferente, ao invés de utilizar uma T-shirt de uma banda que toda a gente conhece, Kurt opta por uma abordagem mais “underground” e subversiva. Um dos destaques é quando ele aparece nos prémios MTV em 1992 com a T-shirt “Hi, How Are You” desenhada por Daniel Johntson.

Com este feito Kurt Cobain, tornou a obra de arte de Daniel Johntson icónica, o que fez com que este artista ganhasse um status de culto. Isto fez com que este chegasse a alta costura, quando a marca japonesa Sacai levando esta t-shirt icónica para as passerelles.

 

Kurt Cobain Camisa de Flanela

7. Camisas de Flanela

A peça mais icónica do grunge rock é a tradicional camisa de flanela. Nunca saíram de moda. Nos dias de hoje chega a ser roupa urbana de luxo. Grandes marcas já reinventaram este modelo.

 

Kurt Cobain Casaco de Malha

8. Casacos de malha

Em 2015 o casaco de malha de Kurt Cobain usado no MTV Unplugged de 1993 dos Nirvana foi vendido num leilão por 137.500 dólares. Kurt Cobain usava o seu casaco de malha ligeiramente inclinado sobre os ombros enquanto tocava “The Man Who Sold the World” de David Bowie e “Polly”, usando apenas uma t-shirt branca e umas calças de ganga. Em 2016 a TAKAHIROMIYASHITATheSoloIst contou com uma réplica literal do casaco de malha cheio de cigarros de Kurt Cobain.

 

Kurt Cobain Camadas de roupa

9. Camadas de roupa diferentes

Reconhecido como estilo involuntário ou anti-moda o que acabou por se tornar moda. Kurt Cobain sempre gostou de usar uma grande quantidade de camadas de roupa e sabia fazê-lo, misturando texturas e cores.

 

 

Kurt Cobain Feminista

10. Igualdade de género

Não era surpresa para os fãs de Nirvana, mas Kurt Cobain também foi um ícone feminista. O estilo de Kurt Cobain era essencialmente o de grunge, mas também não escondia a sua feminilidade também. Chegou em 1993 a ser capa da revista mítica “The Face”. Aparecia com um vestido de chá abotoado e com esmalte nas suas unhas. Kurt Cobain sempre esteve muito há frente do seu tempo e ajudou a compreender melhor e mudar muitas mentalidades no mundo em relação a muitos tabus na sociedade.



Mais: , | Por: João Baganha