10 coisas que devemos ter em conta quando desejarmos adquirir uma bicicleta dobrável

1. O que são bicicletas dobráveis?

As bicicletas dobráveis são distintas no mercado devido à característica que as define: a possibilidade de se dobrarem. São desmontáveis, o que significa que são ideais para qualquer pessoa que deseje pedalar até uma estação de comboios ou metro por exemplo.

As bicicletas dobráveis são permitidas nos comboios e metro em horários de maior lotação. Estas bicicletas também muito úteis para as pessoas que têm limitação de espaço, quer no automóvel ou nos seus apartamentos. Também são populares para aqueles que gostam de auto-caravanismo ou de barcos.

Optar por pedalar uma bicicleta dobrável também lhe dá a oportunidade de combinar facilmente os seus modos de transporte. Então o que leva a escolha da melhor bicicleta?

Atualmente existem muitas marcas no mercado a disponibilizar bicicletas dobráveis ​. O que pode ser a opção perfeita para uma pessoa pode ser a pior para outra. As principais variações podem ser encontradas no tamanho da roda, mecanismo de dobragem, peso e preço.

 

2. Mecanismo de dobragem

Alguns são mais amigáveis ​​do que outros, por isso vale a pena ir ver uma bicicleta a uma loja e lá praticar dobrar e desdobrar antes de comprar, especialmente se você pretende dobrar a sua bicicleta com pressa numa plataforma de comboio.

 

3. Tamanho da roda da bicicleta

Tradicionalmente, as rodas são pequenas, no entanto existem versões concebidas em torno das medidas de tamanho normal (standard). Os modelos com rodas menores são mais leves e compactos quando dobrados, mas não alcançam muita velocidade na estrada. Uma bicicleta dobrável com rodas maiores será muito mais rápida quando as rodas estiverem prontas. No entanto provavelmente vai pesar mais e será um pouco mais difícil de carregar nos transportes públicos.

 

4. Bicicletas dobráveis ​​leves

É claro que, se você pretende guardar a bicicleta dentro e fora do metro, é compreensível que você queira que ela seja leve. Isso pode ser conseguido usando um material de quadro mais leve. A Brompton introduziu recentemente o titânio na sua gama e existem marcas que produzem ligas de carbono. Componentes de alta qualidade também reduzem o peso, assim como o menor número de velocidades, ou a versão original  uma velocidade (single-speed).

 

5. Bicicletas dobráveis ​​baratas

Você pode adquirir uma bicicleta dobrável por menos de 200 euros, mas também pode gastar bem mais que 2000 euros. Uma bicicleta dobrável barata pode responder ao seu objetivo. No entanto tem de ter em conta que ela seja mais pesada do que as ofertas mais premium graças aos componentes serem de qualidade inferior e o quadro ser em ferro, logo, mais pesado. Encontrar a opção certa para você resume-se a escolher o que pretende. Por exemplo, um uso intensivo para o dia-a-dia, ou um uso esporádico para um fim de semana ou umas férias.

 

 

6. Ajuste de uma bicicleta dobrável

A maioria das bicicletas dobráveis ​​é de “tamanho único (standard)”, mas com uma grande capacidade de ajuste, o que significa que é fácil partilhar a bicicleta com os seus familiares. No entanto, se para si essa é uma consideração importante, vale a pena garantir que o modelo comprado ofereça uma ampla variedade de ajustes e fáceis de usar. As bicicletas Brompton, por exemplo, têm um selim longo que é ajustado por meio de uma simples alavanca de libertação rápida, facilitando a troca entre os passageiros.

 

7. Bicicletas dobráveis ​​elétricas

Nos últimos anos, as bicicletas dobráveis ​​elétricas têm vindo a ganhar cada vez mais adeptos. A aplicação de um motor geralmente contribui para ganhar adeptos, com a evolução o peso está sempre a diminuir e a potência adicional torna as subidas significativamente mais fáceis.

 

8. Quais os seus benefícios para o dia-a-dia

Os benefícios de optar por uma bicicleta dobrável são vários, sendo que incluem:

Facilidade de alternar entre o ciclismo e o transporte público;
Facilidade de armazenamento em sua casa;
Segurança de não ter que trancar a bicicleta do lado de fora (ela pode ficar sob sua mesa no trabalho);
Capacidade de levar a bicicleta de férias, é muito popular entre caravanistas, campistas e turistas de barcos recreativos, algumas bicicletas podem ser embaladas na bagagem de companhias aéreas;
Ideal para quem gosta de passear, mas quer mudar de transporte como: barco, metro ou mesmo carro sem ter muito trabalho;
A maioria é construída com bastante resistência e a sua manutenção é simples.

 

9. Materiais para quadros de bicicletas dobráveis

Como qualquer outro estilo de bicicleta, existem várias opções quando se trata de material do quadro.

Os líderes de mercado, como a Brompton ou a Dahon especializam-se no aço, utilizando as suas técnicas de soldagem de alta qualidade de modo a garantir que a soldagem de estrutura ofereça o elo mais leve, e porém mais forte possível. O aço é resistente e confortável, no entanto não é leve. Atualmente as marcas estão a passar para o titânio de modo a oferecer produtos mais sofisticados e uma alternativa mais leve.

Um grande número de marcas estão a optar pelo alumínio, selecionando o popular material de estrutura para o equilíbrio entre peso e resistência.

Atualmente também existem versões com quadros em carbono; como o LIOS Nano, que pesa pouco mais de 8kg. Embora o uso do carbono coloque uma bicicleta dobrável super leve, é mais fácil de danificar do que o alumínio, o que é necessário ter em conta, pois são bicicletas com esforço e desgaste diários.

 

 

10. A escolha das peças e dos componentes

A natureza de uma bicicleta dobrável é tem um foco muito grande na indústria de componentes e que promove a facilidade de manutenção e para o dia-a-dia.

Pneus resistentes com um bom nível de proteção contra furos geralmente estão no topo das escolhas dos ciclistas que querem poupar o tempo que gastam a concertar as suas bicicletas. Verifique se a borracha está corretamente encaixada na janta da sua bicicleta. A Schwalbe e a Kenda são fabricantes populares de pneus de pequeno diâmetro para bicicletas dobráveis, e a maioria terá 1,75 cm de largura. O que oferece muita aderência graças ao seu grande volume e, portanto, maior contacto com o asfalto quando comparado com os pneus tradicionais.

O número de velocidades especificadas na sua bicicleta também é importante. Se você espera manter as suas viagens em ruas planas da cidade, uma simples velocidade reduzirá a manutenção e o peso total. No entanto, aqueles que esperam andar em terrenos mais acidentados ficarão satisfeitos em saber que há muitas bicicletas dobráveis ​​que vêm com cassetes triplas e cassetes de 11-32 de largura. Isso oferece um passeio mais fácil nas inclinações, mas aumenta o peso geral.

Muitas bicicletas dobráveis ​​apresentam engrenagens internas do cubo, o que significa que o sistema de velocidades é totalmente vedado, reduzindo drasticamente a manutenção. Mudar as engrenagens de cubo é geralmente mais fácil para iniciantes, já que não há tensão de corrente para se preocupar. Além disso, não há hipótese do sistema ser dobrado ou danificado. É um risco quando deixado sem supervisão. Se você quiser optar por diferentes elos de corrente, existe uma ampla variedade de engrenagens, você apenas precisa de se preocupar com um bom sistema de desviador.

Os travões de disco também estão a começar a aparecer nas bicicletas dobráveis, embora sejam geralmente mais pesados ​​e mais caros, no entanto oferecem um maior poder de resposta de travagem, especialmente em climas húmidos.

Se você pretende andar de bicicleta com a sua roupa de escritório e quiser garantir que não vai sujar a roupa, caneleiras e guarda-lamas são complemento úteis. Provisão para bagagem, uma bomba montada na estrutura do quadro, luzes integradas são acessórios interessantes que pode desejar e esperar em modelos de bicicletas dobráveis mais sofisticadas.



Mais: , , , | Por: João Baganha